quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Da deturpação de ideias alheias


Uma jovem mamã resolveu colocar a sua foto no facebook com os três filhotes, e gerou uma polémica enorme por estar em excelente forma física. O que essa grande parvalhona insensível foi fazer. Pois que aparentemente comentários-pérola como: “Essas coisinhas preciosas precisam de você mais do que você precisa de músculos”, ou "Você faz parte do problema de vergonha corporal da América do Norte e outras partes do mundo” ou ainda “Você gosta de humilhar os outros e só sabe olhar para o próprio umbigo” fizeram parte do reportório de resposta a esta foto.

E eu acho extraordinário perceber que ela tem de se defender (tem?) de comentários deste calibre. Acho realmente espantoso que alguém que partilhou uma foto inspiradora possa ser alvo de tanta má língua. É um facto que, por preguiça ou descrença, muitas mães se protegem atrás do argumento "depois de uma gravidez o nosso corpo nunca mais é o mesmo" para não agirem sobre um problema que as incomoda. Ver, a partir da foto desta mãe, que o objectivo de recuperar a boa forma física é perfeitamente possível, deveria fazê-las felizes e inspirá-las a atingir o mesmo!

Mas não. O facto desta senhora estar em forma é motivo para o problema de vergonha corporal na América do Norte e noutras partes do mundo. Não tem nada a ver com o facto das pessoas comerem mal, não se exercitarem, encontrarem-se em sobrepeso e se sentirem feias por isso, não. Tem a ver com a beleza alheia, porque se estivessem todos em má forma ninguém se sentia humilhado. Está certo.

Duvido que quem se sente bem no seu corpo, acima do peso ou não, escrevesse um comentário amargo como os que citei. Acredito que esses comentários chegaram de pessoas desportivamente preguiçosas e pessimistas. Aquele género de pessoas forte em arranjar desculpas e fraco em acção. Aqueles que querem fazer crer o mundo que cuidar de si e da sua saúde (com consequências na beleza física) está errado e é coisa de pessoas fúteis. Claro que essas pessoas não percebem que alguém de bem consigo mesmo queira inspirar outros. Porque não sabem o que é ser inspirador, nem têm confiança suficiente em si para almejarem a inspirar alguém um dia.

Dizem que a inveja é a admiração sem esperança [de vir a atingir o mesmo]. E eu acredito. 
Afinal, pessoas felizes não destilam veneno.


10 comentários:

  1. A inveja é mesmo um sentimento muito feio...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tiras-me as palavras da boca, Estrelinha*

      Eliminar
  2. SInceramente, comentários mais absurdos eram impossíveis. Há gente mesmo ignorante.

    ResponderEliminar
  3. É a cultura do inferiorizar, como se isso melhorasse alguma coisa em quem o faz, só se se sentirem aliviados por terem de transportar menos veneo?! Pessoas tristes.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Precisamente, Canca. São tristes e querem fazer os outros tristes.

      Beijinhos :)

      Eliminar
  4. Há pessoas que não suportam a felicidade das outras, sad but true :/
    A inveja é lixada...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão, Roger :S
      Quem sabe um dia percebam que o caminho não é esse...

      Eliminar
  5. Olá querida ABT,
    Há duas coisas que me espanta neste texto e uma coisa que não sei.
    1)Se é uma página pessoal quem fez o suposto comentário é alguém "suposto" amigo dessa pessoa o que por sinal ainda piora mais o caso.
    2)A outra coisa que não me espanta muito é que é mais fácil apontar o dedo e rebaixar ou tentar menosprezar a pessoa e isso não me espanta mas deixa-me triste.

    Esta mulher devia ser um exemplo para tantas outras mulheres, até podiam acabar com o mito que depois da gravidez a mulher nunca mais fica como era antes, como já ouvi. A falta de cultura, a falta de vontade em saber mais, em progredir como pessoa e o caminho mais fácil em julgar os outros ou quem nos incomoda por parte de algumas pessoas dá nestes tristes exemplos.

    beijinhos grandes e uma excelente semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sérginho,

      1) Acho que há perfis abertos a todos. Mas não sou a pessoa indicada a comentar as variantes do facebook :)
      2) Nem mais... não espanta mas entristece.

      A parte boa é que há sempre pessoas que retiram a mensagem certa da imagem. ;)
      Beijinhos e uma semana bonita para ti também!

      Eliminar

Outros pensamentos